Trio “furacão”! Juliana Paiva, Vitória Strada e Deborah Secco lançam trama

Estrelas protagonizam a comédia romântica Salve-se Quem Puder. Veja como foi a festa!


16 de janeiro de 2020

Foto: Montagem

Por Luciana Marques

*Confira a matéria completa no vídeo, abaixo.

Na entrada do fictício Empório Delícia, complexo gastronômico de Salve-se Quem Puder, na cidade cenográfica da trama, nos Estúdios Globo, Rio, vivenciamos um pouco a sensação de enfrentar um furacão. Uma ventania de 60 quilômetros por hora, vinda de enorme ventilador com a potência de um motor V8, e a fumaça cenográfica, surpreenderam coleguinhas que precisaram segurar seus vestidos, saias e blusas para não mostrar algo a mais, logo na chegada.

Tudo isso para sentirmos um pouquinho o que o trio de protagonistas da nova novela das 7, com estreia dia 27 de janeiro, Luna (Juliana Paiva), Kyra (Vitória Strada) e Alexia (Deborah Secco) vão passar em Cancún, no México. Porém, antes de de sobreviverem ao furacão, elas irão presenciar o assassinato de um juiz. Assim,  terão que entrar no Programa de Proteção a Testemunhas e mudar de identidade. Elas serão levadas para uma cidade no interior de São Paulo. A partir daí, começam todas as outras emoções da trama...

DANIEL ORTIZ - AUTOR

“Será que o que você deseja para a sua vida é aquilo que realmente vai te fazer feliz? A vida é feita de escolhas que podem determinar destinos. Então essas três mulheres vão colocar em xeque esses sonhos. O mote da novela é isso.”

O autor Daniel Ortiz, Vitória Strada, Flávia Alessandra, o diretor Fred Mayrink, Juliana Paiva e Deborah Secco. Foto: Globo/Reginaldo Teixeira

FRED MAYRINK – DIRETOR

“É uma novela com muita emoção, leveza. É uma comédia romântica, com todos os bons ingredientes de uma trama desta faixa de horário. Uma história que fala de paixão, família, amizade e relacionamentos. E ainda temos o encontro de duas culturas fervilhantes dentro desta história: o México e o Brasil.”

JULIANA PAIVA (LUNA/FIONA)

“Quando a gente fala de protagonista rola uma solidão, às vezes. Agora somos três e a gente vibra muito com isso, com o fato de ser uma comédia. Somos três atrizes com comportamentos diferentes em relação ao humor. Acho que o grande lance é acreditar no que você está fazendo e fazer de verdade. E a Luna cai nessa comédia, ela vai recepcionar essas duas loucas, entra num carro em que vai levar elas até o assassinato, depois o furacão...”

DEBORAH SECCO (ALEXIA/JOSIMARA)

“O maior atrativo quando eu fui convidada é que seria para um universo divertido. Eu vim de uma novela densa, com um personagem maravilhoso (Karola, de Segundo Sol), mas que me desgastava muito emocionalmente. E queria muito voltar para a comédia. O Daniel é um autor que escreve comédia pronta, a gente só precisa não estragar, é impecável. E o Fred é um diretor que acredita na comédia.”

Foto: Globo/Reginaldo Teixeira

VITÓRIA STRADA (KYRA/CLEYDE)

“A Kyra me instiga a cada cena porque ela é romântica que nem eu, mas ao mesmo tempo romântica. Ela raciocina diferente, ela tem um outro tempo. Então cada cena é um desafio, acho que eu tive que entrar um pouco nessa mentalidade dela, de falar um pouco sem pensar, que é o oposto de mim. É um aprendizado diário.”

VEJA QUEM MAIS ESTÁ NO ELENCO E TUDO O QUE ROLOU NO LANÇAMENTO

 

 

Juliana Paiva: Triângulo amoroso com José Condessa e Felipe Simas em trama

Flávia Alessandra vive ricaça misteriosa que abandonou filha de quatro anos