Topíssima: Sophia se culpa pelo acidente de Antonio

Ricaça fica abalada e diz não ter coragem de visitar o amado


  • 14 de setembro de 2019
Foto: Reprodução Record TV


Depois de ir até o hospital com Mariinha (Silvia Pfeifer), Carlos (Maurício Mattar) liga para Sophia (Camila Rodrigues) e conta sobre o acidente com Antonio (Felipe Cunha).

Depois ele vai até a casa da filha, que está abaladíssima. É que ela se culpa pelo estado do taxista após ele flagrá-la com Lima (Guilherme Winter) praticamente na cama.

Essa sequência deve ser exibida no dia 17 de setembro.

SOPHIA CHORA: “SABER QUE EXISTE UM CARA COMO O ANTONIO. SABER QUE ELE ME AMA, QUE EU O AMO. TER VIVIDO AS COISAS LINDAS QUE A GENTE VIVEU E AGORA ESSE VAZIO?”

Sophia fica bastante nervosa e quer saber mais notícias sobre Antonio. “Ele está bem mesmo, pai? E essa batida na cabeça? Cabeça engana... Fizeram uma tomografia? Eu vou ligar para a doutora Vera, quero que ela me passe...”, vai falando a ricaça. Carlos a tranquiliza. “Filha, calma! Já te disse por telefone e repito. O Antonio está fora de perigo e vai se recuperar. Achei que você fosse no hospital ver ele”, fala o professor.

Sophia admite que lhe faltou coragem. “Com que cara? O que eu diria pra ele? Não! Não consigo”, afirma. Nesse momento ela se emociona. “O jeito que ele saiu daqui hoje de manhã, o acidente... Foi culpa minha...”, afirma ela. Carlos a ampara a filha, afetuoso. “Não pensa assim, Sophia”, diz ele.

A empresária chora. “Tenho tanto amor por ele, pai, tanto! Como eu queria que as coisas tivessem sido diferentes, que a gente não tivesse se separado. Antonio e eu somos muito diferentes um do outro, mas a gente é tão feliz junto”, constata. “Dá pra ver, Sophia. Vocês se gostam muito”, fala Carlos. “Ou então queria nunca ter conhecido o Antonio. Seria melhor. Eu estaria em paz, ele estaria em paz, cada um no seu mundo, sem sofrimento”, diz.

Sophia silencia um pouco, enxuga as lágrimas e continua sua reflexão. “Mas saber que existe um cara como o Antonio. Saber que ele me ama, que eu o amo. Ter vivido as coisas lindas que a gente viveu e agora esse vazio? Isso dói demais, pai”, fala. “Eu sei, meu anjo...”, diz o professor. “Tão triste que a gente tenha acabado assim...”, afirma ela. “Acaba somente se vocês quiserem. Nunca é tarde para recuperar um amor perdido”, diz Carlos para uma Sophia descrente.

Topíssima: Antonio sofre grave acidente de carro após flagra

Topíssima: André pronto para declarar seu amor à Graça



Veja Também