Segundo Sol: Nice recebe flores do pretendente apaixonado

Maura e Rosa conhecem Vicente, mas Agenor tenta empacar romance


  • 03 de outubro de 2018
Foto: Reprodução Globo


Dona Nice (Kelzy Ecard) conquistou mesmo o coração do sessentão enxuto Vicente, o marceneiro do restaurante de Cacau (Fabíula Nascimento). E o moço, bastante romântico, surpreende a cozinheira com um buquê de flores em sua casa, em capítulo a ser exibido a partir do dia 22 de outubro. “Que você siga encantando a todos com sua doçura nesse recomeço. Vicente.”

Maura (Nanda Costa) e Rosa (Letícia Colin) ficam pasmas querendo saber quem é o pretendente da mãe. “Um amigo, conheci na obra do restaurante, ele é o marceneiro que fez os móveis”, conta. “Marceneiro... Quem diria que o pai botando fogo no restaurante ia fazer a mãe conhecer esse senhor que manda flores com cartão tão carinhoso?”, constata Maura.

Segundo Sol: Presa, Luzia recebe carinho de Beto, Ícaro e Manu

Segundo Sol: Karola chocada ao ver o “morto” Remy na sua frente

ROSA PARA MAURA: “MÃINHA SE DEU BEM COM O PEGUETE, O MARCENEIRO É TOPÍSSIMO”

As jovens ficam doidas para conhecer Vicente. E tem a oportunidade na reabertura do restaurante. Assim que Nice chega, encontra Vicnte. “Como está bonita, Nice, se superou!”, elogia ele. Logo, Maura e Rosa se aproximam, e Nice apresenta as filhas. “Suas filhas são tão lindas quanto você, Nice!”, diz ele.

Logo Maura cutuca Nice. “Viu, mãe? Linda!”. “A gente fala pra ela, mas ela não acredita!”, emenda Rosa. Sem jeito, Nice diz que tem que ajudar na cozinha, mas ele diz que essa noite é dela e de dona Cacau. E logo arruma uma mesa. "A gente já vai, seu Vicente!”, diz Maura. "Vamos deixar os pombinhos sozinhos!”, fala a policial para Rosa.

“É isso aí! Mãinha se deu foi bem com o peguete, o marceneiro é topíssimo!”, constata Rosa. “Ela merece um homem assim, que cuide dela!”, festeja Maura. Mais tarde, as jovens dizem à mãe que vão dar uma circulada. E elas se despedem de Vicente. “Leve ela pra casa direitinho! E aproveitem que não vai ter ninguém em casa!”, brinca Rosa.

Nice fica vermelha. “Ligue não, Vicente, essas duas adoram implicar comigo!”, diz. Quando está para entrar no carro de Vicente, Agenor (Roberto Bonfim) surge dizendo que está passando muito mal. “Eu estou morrendo, Nice, fui no pronto socorro, o doutor falou que meu coração tá com defeito”, fala ele.

Ele faz cena, finge que tonteia, e Nice se preocupa. “Eu vou ter que cuidar dele”, diz ela para Vicente, chateado, já prevendo a armação do ex-garçom. “Você tem certeza disso? Tá me parecendo fingimento!”, fala Vicente. Mas Nice, nervosa, sai levando Agenor.

NICE PARA AGENOR: “´TÁ FINGINDO PRA CONSEGUIR VOLTAR PRA CASA. PRA NÃO DEIXAR O SEU VICENTE SE APROXIMAR DE MIM. VOCÊ É UM CRETINO!”

No outro dia, Nice decide levar Agenor para uma casa de repouso. E lhe dá umas colheradas de xarope. “Tome logo, Agenor, se não melhorar é bom você voltar no hospital pra conversar com seu médico”, pede ela.

E o machista volta com aquele papinho de sempre. “Ele já disse que eu não tenho mais jeito, Nice. Vou morrer a qualquer momento, abandonado nessa casa de repouso triste, que só tem gente desconhecida, sozinho, sem ninguém da minha família do meu lado”, diz ele.

Nisso, entra Nestor (Francisco Cuoco). “Enquanto você não volta no hospital eu pedi pra ele lhe examinar. Muito obrigada por ter vindo, seu Nestor!”, conta ela. “Pode ir guardando suas catrefas, eu já tenho médico, não quero mais ninguém dando pitaco na minha saúde!”, diz ele, quase fazendo escândalo.

Aí Nice percebe o jogo do ex-marido. “Que vexame... Rosa e Maura estão certas, você não tá doente coisa nenhuma! Tá fingindo pra conseguir voltar pra casa! Pra não deixar o seu Vicente se aproximar de mim! Você é um cretino, Agenor!”, diz ela. “Não fala assim comigo, Nice, eu não posso me aborrecer, já estou com o coração palpitando aqui, com falta de ar”, diz ele

Mas a cozinheira não cai mais no jogo dele. “Eu não acredito mais em nada do que você fala!”, diz. Depois, Nice tenta explicar que nunca vai deixar nada faltar a ele, que ele sempre será pai de suas filhas, mas que ela quer o divórcio. “Eu já tô doente, sem ninguém, nem sei se vou viver até o mês que vem, logo você vai ficar viúva, não vai precisar nem de separação! Mas não esqueça nunca que perante o Altíssimo a gente vai ser casado pra sempre, Nice!”, fala ele.

Ela insiste, e ele grita chamando a enfermeira. “Eu já vou, Agenor! Pense com calma no que lhe falei”, pede Nice. E assim que ela sai, ele dá uma risada, pula do sofá e “dá uma banana” para ela. Ali mesmo, dá um trocado para a enfermeira. “Cleidinha, me traga uma cervejinha, faz favor! Que paz, que felicidade!”, debocha o ex-garçom.



Veja Também