Segundo Sol: Luzia leva um tiro e salva a vida de Manu

Jovem se desespera ao ver a mãe em estado grave por sua culpa


  • 20 de julho de 2018
Foto: Globo/João Miguel Júnior


Depois de praticamente ser conivente com o próprio sequestro, Manu (Luísa Arraes) vai estar cada vez mais envolvida com a família de traficantes de Narciso (Osmar Silveira). E mesmo após os Athayde, Luzia (Giovanna Antonelli) e até Roberval (Fabrício Boliveira) pagarem o seu resgate, ela voltará a bater na casa dos criminosos.

Só que dessa vez, as consequências de suas atitudes serão bem piores. Ela pede para Juarez (Tuca Andrada), pai de Narciso, para trabalhar com eles, ou seja, traficar droga. A princípio, ele deixa ela só atendendo na loja de “doce” com Narciso.

LUZIA FLAGRA A FILHA VENDENDO DROGA

Ao saber por Ícaro (Chay Suede) que Manu está traficando, Luzia decide ir até o local. Para isso, marca um encontro na penitenciária com sua antiga amiga do presídio, Jurema (Marília Coelho), a mesma que lhe ajudou a fugir quando foi jurada de morte. E será através dela, que ela conseguirá armar um encontro com Juarez, dizendo-se vendedora de entorpecentes.

Chegando na loja, ela dá de cara com Manu e Narciso (Osmar Silveira). Mais uma vez a filha a despreza e pede para ela ir embora. Apresentando-se como Sílvia, Juarez a recebe. E quando ele se afasta, Luzia tenta convencer Manu a ir embora dali, e ela a ofende novamente. Ao perceber a discussão, o traficante pergunta se a jovem a está incomodando, e ela despista.

Durante a conversa, Juarez dá a entender que logo Manu será morta. “Eu peço desculpa por essa garota malcriada! Mas você não se preocupe! Ela vai rodar!”, diz ele, diante do pânico de Luzia. “Como assim? Rodar, como?”, pergunta ela. “Eu vou pôr a menina pra conversar com os anjinhos! Essa não passa dessa semana!”, informa ele, fazendo um gesto de degola.

Segundo Sol: Manu é sequestrada pela família de Narciso

Segundo Sol: Ícaro chama Luzia de mãe e a emociona

LUZIA E NARCISO SALVAM MANU DA MORTE

O delegado mau caráter Viana (Carlos Betão) liga para Juarez dizendo que a polícia precisa fazer uma boa apreensão de drogas. O traficante fecha com o delegado, mas pede que, dessa vez, o intermediário seja apagado, nesse caso, Manu. E ele conta para a jovem que ela será promovida, e terá que fazer uma entrega de droga. Narciso pede para ir junto, mas o pai não deixa. Em seu carro, Juarez deixa Manu numa estrada de terra.

Pouco antes, Luzia conversa com Ícaro, Cacau (Fabíula Nascimento) e Edgar (Caco Ciocler) que a única maneira de salvar Manu é pedindo ajuda a Narciso, porque a DJ acredita que ele gosta mesmo dela. Assim, ela corre até a loja de Narciso e conta tudo o que está acontecendo. Imediatamente, os dois partem com o carrinho velho do rapaz e conseguem chegar a tempo de Manu não ser executada.

Mais uma vez, a jovem destrata a mãe. “Que é que tá acontecendo aqui? Por que você trouxe essa mulher aqui, Narciso?”, indaga ela. “Vambora, Manu, isso aqui é uma armadilha!”, afirma Luzia, logo puxando a filha para fugir.

LUZIA SE JOGA NA FRENTE DE MANU E TOMA UM TIRO NO PEITO

Ao saber de toda a armação, Manu corre com Luzia e Narciso. Mas nesse momento, Viana, Ionan (Armando Babaioff) e uma equipe de policias já chegou ao local para fazer a apreensão da droga. Quando o delegado flagra a fuga, já começa a atirar. Desesperados, os três entram numa mata e correm.

Nesse meio tempo, Ionan não entende porque o delegado atira sem nem saber o alvo. Luzia, Manu e Narciso conseguem subir na caçamba de um caminhão. Mas ao vê-los, Viana mira a arma em Manu, Luzia vê, e se atira na frente da filha. A DJ leva um tiro no peito, tomba e a jovem se desespera. “Mãe! Mãe! Atiraram na minha mãe!”, grita ela.

O caminhão consegue se afastar dos policias e, imediatamente, Luzia é levada para o hospital. “Segura aqui, Narciso, firme, aperte bem pra estancar o sangue! A cabeça dela tem que ficar levantada!”, diz Manu, aflita. “Uma maca, por favor! Paciente baleada aqui, rápido, gente!”, grita a estudante.

Depois de avisar por telefone Ícaro e Cacau, Manu fala tensa com Narciso. “É louco pensar: é minha mãe que tá lá dentro com uma bala no peito! Ela pode morrer por minha causa. Porque tentou me salvar”, fala ela, emocionada. Ícaro chega correndo e a abraça, e Narciso deixa o local. “Ícaro! Ela me salvou, Ícaro, esse tiro era pra mim!”, diz, chorando. “Shhh... fique calma, minha irmã...”, pede ele.

O capítulo que vai ao ar na metade de agosto termina com o médico chegando para falar do estado da DJ. E os dois filhos dela, Manu e Ícaro apavorados, temendo pela mãe.



Veja Também