Salve-se Quem Puder: Helena acusa Luna de aproveitadora e jovem a enfrenta em jantar

Téo provoca a mãe ao pedir a fisioterapeuta em namoro


  • 23 de março de 2020
Foto: Reprodução Globo


Helena (Flávia Alessandra) não engole o fato de Téo (Felipe Simas) ter faltado à inauguração do restaurante de Micaela (Sabrina Petraglia) para viajar com Luna (Juliana Paiva).

A empresária acha que a jovem está se aproveitando do filho e diz que ela não colocará mais os pés em sua casa. Mas como o diretor ameaça ir embora, ela acaba aceitando receber Luna para um jantar.

Essa sequência será exibida a partir do dia 26 de março.

TÉO PROVOCA HELENA COM SURPRESA À LUNA/FIONA EM JANTAR: “RESPONDE A MINHA PERGUNTA, POR FAVOR. QUER SER MINHA NAMORADA?” 

Luna janta na mansão com a família de Téo. Na mesa, ela e Helena se encaram discretamente. Durante a conversa, a empresária insinua que até o momento não sabe o que Fiona e o filho foram fazer no Rio. “Sessão de fisioterapia é que não deve ter sido”, alfineta. O diretor conta que resolveu realizar o sonho da jovem de conhecer o Rio e os Estúdios Globo. “Meu filho deve mesmo simpatizar muito com você. Ele quer tanto voltar a andar, mas dispensa uma sessão de fisioterapia pra realizar um sonho seu”, provoca.

Luna afirma que Téo foi muito legal. “Eu não esperava uma surpresa dessas”, fala. Helena agora é agressiva. “Não esperava mesmo? Ah, mas você deve ter comentado com ele desse seu sonho. Aliás, deve ter falado bastante. Pra ele sentir essa necessidade até de alugar um helicóptero pra satisfazer uma vontade sua”, diz. Luna sente a provocação. “Eu nunca pedi pro Téo fazer nenhuma vontade minha”, afirma a jovem, de forma educada.

Hugo (Leopoldo Pacheco) tenta contemporizar, mas Téo está passado. “Por que cê não fala mais claro, mãe?”, diz. “Eu só fiquei confusa. Esse tipo de surpresa que você fez pra Fiona, a gente só faz pra uma pessoa muito importante. E a Fiona, com todo o respeito, é apenas a sua fisioterapeuta, não é?”, fala. Téo afirma que Helena está enganada. “A Fiona é muito mais que isso. E se você quer saber exatamente o que ela representa pra mim, cê vai descobrir agora”, avisa.

Hugo pede para o jovem não provocar. O diretor o ignora e vira-se para Luna. “Fiona. Lá no Rio, eu não tive chance de te perguntar. Mas vou aproveitar que a minha família tá toda aqui e fazer isso agora. Cê quer namorar comigo?”, fala ele. Hugo o repreende com o olhar. Mas o jovem não está nem aí. “Responde a minha pergunta, por favor. Quer ser minha namorada?”, repete ele. Luna está constrangida. “Téo, eu... Eu não quero criar um clima ruim aqui”, diz.

Salve-se Quem Puder: Bia realiza sonho com apoio de Tarantino e coloca vida em risco

Salve-se Quem Puder: Kyra, Luna ou Alexia, uma delas será reconhecida por Dominique

HELENA CONFRONTA LUNA: “VOCÊ NÃO ME ENGANA. DESDE QUE EU TE VI PELA PRIMEIRA VEZ, SABIA QUE VOCÊ TINHA UM PLANO! QUE QUE VOCÊ QUER COM A NOSSA FAMÍLIA? FALA!”

Helena se intromete. “Então a Úrsula tava certa. Vocês tavam mesmo tendo um caso!”, deduz. “Dona Helena, o que aconteceu entre mim e o Téo foi depois que...”, tenta explicar a jovem. “Cê não tem que se explicar, Fiona. Ninguém aqui tem nada a ver com a nossa vida!”, avisa Téo. Helena se sente ofendida. “Por que você tá fazendo isso, Téo?”, pergunta ela. “A errada aqui é você! Não tratando a Fiona com o respeito que ela merece”, ressalta o rapaz.

Hugo pede para ele não gritar. “Deixa, Hugo. Eu quero ver até onde ele vai levar essa história”, diz a empresária. Luna se levanta e fala que é melhor ela ir embora. Téo a segura. “De jeito nenhum. Cê é minha convidada. E ainda não respondeu a minha pergunta”, fala. Luna afirma que ele já sabe a resposta dela. “Então cê aceita namorar comigo?”, festeja ele. “Isso é ridículo! Cê só tá fazendo essa palhaçada pra irritar a sua mãe”, intervém Hugo. “Qual é o problema do Téo querer ficar com a Fiona?”, pergunta Micaela, que leva uma bronca do pai.

Helena encara Luna. “Tá feliz agora, garota? Olha o que você fez!”, acusa. “Eu não queria que fosse desse jeito, dona Helena, eu juro”, diz a jovem. “Você não me engana. Desde que eu te vi pela primeira vez, sabia que você tinha um plano! Que que você quer com a nossa família? Fala!”, pede ela. Luna, então, se levanta e a enfrenta. “Se a senhora acha que eu me infiltrei na sua família porque eu tenho um plano... Então me diz que plano é esse! Mas uma coisa eu garanto. Eu não tou aqui atrás de namorado rico. Porque dinheiro não é uma coisa que me atrai. Eu nunca ia ficar com um homem por causa disso!”, avisa.

A empresária sente. “Pra mim esse jantar já acabou”, fala a ela, que segue para o escritório. Hugo sai atrás dela, e Micaela se desculpa com Luna. “Realmente, deve ter alguma coisa em mim que irrita muito a dona Helena”, fala a jovem. “E não tem por que ela ser assim com você. Desculpa, Fiona. Essa noite não saiu como eu tava querendo. Mas é que a minha mãe começou a provocar e... Não me segurei, não tenho sangue de barata”, admite ele. Luna diz é melhor ir embora. E o diretor a leva até a porta...

Salve-se Quem Puder: Renzo pede à Josimara encontro espiritual com “Alexia”

Salve-se Quem Puder: Luna e Téo se beijam e trocam declarações de amor



Veja Também