Romeu Evaristo, o Fabrício de Bom Sucesso, mostra lado musical

Eterno Saci do Sítio, o pai da atriz Dandara Mariana cativa com suas histórias


  • 25 de agosto de 2019
Foto: Reginado Teixeira/Divulgação


Quem tem o privilégio de bater um papo com Romeu Evaristo, no ar como o fofoqueiro Fabrício na trama das 7 Bom Sucesso, é imediatamente cativado pelas suas ótimas histórias. Afinal, o pai da também atriz Dandara Mariana, sucesso em Verão 90, guarda algumas facetas que o grande público desconhece, como por exemplo, ter sido técnico de futebol e compositor de sambas.

Sua passagem pelo esporte foi em 1995, quando trabalhou como auxiliar técnico de Nuno Leal Maia, no Botafogo da Paraíba. Lá, conquistaram o vice-campeonato estadual. Em 1996, já no Londrina, chegou ao terceiro lugar no Campeonato Estadual Paranaense. Ele também teve expressiva passagem pelos cariocas São Cristóvão e Bangu Atlético Club. “Futebol agora apenas como centroavante nos momentos de lazer entre amigos”, conta o ator, que viveu o emblemático Saci Pererê, durante 10 anos, no Sítio do Picapau Amarelo.

Já a sua imersão no universo do samba veio nesta mesma época, nos anos 90. “A música sempre esteve presente em minha vida. Vim da Baixada Fluminense, minha família é fundadora de uma das agremiações que dariam origem ao que é hoje a Grande Rio. Já compus sambas para algumas escolas”, recorda. A Unidos da Tijuca quase teve um samba de Evaristo defendido na Marquês de Sapucaí, quando o enredo era uma homenagem a Zumbi dos Palmares.

Romeu e o jornalista e escritor Valmir Moratelli. Foto: Reginaldo Teixeira/Divulgação

Algumas dessas experiências musicais foram contadas por Romeu na durante o debate do lançamento do livro O que as telenovelas exibem enquanto o mundo se transforma, do jornalista Valmir Moratelli, no Rio. Para deleito da plateia, o ator soltou a voz e mostrou um dos sambas compostos por ele, que traz no refrão o nome de Dandara, em alusão a mulher de Zumbi e também uma referência a sua filha – atualmente no Dança dos Famosos.

 

VEJA O SAMBA COMPOSTO POR ROMEU EVARISTO QUE TRAZ "DANDARA" NO REFRÃO

 

Vídeo: Leo Lemos

 

Dandara Mariana: “Considero meu papel atual como um ato político”

Valmir Moratelli: Paralelo inédito entre novelas e política em livro



Veja Também