O Tempo Não Para: Sabino flagra Livaldo abraçando Carmen

Ele fica chocado ao se dar conta que o “fanchono” é um “gavião” daqueles


  • 04 de dezembro de 2018
Foto: Reprodução Globo


Dom Sabino (Edson Celulari) até pensou que Livaldo (Nelson Freitas), pai de Samuca (Nicolas Prattes), era “fanchono”, ao vê-lo vestido de mulher assim que chegou ao país. Mas não é bem assim...

Imagine a reação quando Sabino flagrá-lo próximo de sua amada, Carmen (Christiane Torloni). Essa sequência está prevista para ser exibida nesta quarta-feira, dia 5 de dezembro.

O Tempo Não Para: Carmen dá um tapa na cara do ex, Livaldo

O Tempo Não Para: Samuca confronta o pai pela primeira vez

LIVALDO À CARMEN“A GENTE FEZ UM FILHO SENSACIONAL, O GAROTO É EXEMPLO PRA JUVENTUDE. O QUE MAIS A GENTE PODE QUERER DA VIDA?”

Samuca mostra as instalações da Samvita para o pai, Livaldo. “Agora eu vejo que a empresa é a sua cara, filho: moderna e arrojada, além de linda”, diz Livaldo. “Valeu, mas eu não construí tudo isso sozinho”, diz o jovem. “Eu sei muito bem quem sempre teve do seu lado”, fala o malandro.

Samuca o apresenta aos funcionários, e Livaldo aparenta simpatia. “Samuca é o cara, sempre foi. Puxou o pai, só que com mais cabeça. Quando ele tinha um ano, eu pensava: esse menino vai construir um império!”, diz. “Você me abandonou quando eu tinha dez meses...”, responde Samuca, com um risinho. “Com dois anos, já fazia a própria comida e falava três idiomas”, brinca Livaldo.

Todos riem. Nisso, chega Carmen, logo tensa, ao vê-lo. “Pessoal, a mulher que gerou essa cara incrível está ali, ó. Eu fui só um mero acidente. Uma salva de palmas pra dona Carmen Tercena!”, fala ele. E todos aplaudem. Carmen fica sem jeito, e Livado sorri para ela. Logo, a empresária entra brava em sua sala, seguida pelo malandro. “Para com isso, Carmencita. Eu só quis fazer uma homenagem a você... Um reconhecimento...”, diz ele.

“Com uns 20 anos de atraso, né?”, responde ela, irônica. “Foi divertido, vai... O pessoal curtiu...”, fala ele. “Livaldo, pode parar com esse seu, com isso aí que cê tá fazendo ou querendo, porque seja lá o que for, não vai dar certo...”, aconselha ela. “Já deu certo... A gente fez um filho sensacional, o garoto é um exemplo pra juventude brasileira e até pro mundo. O que mais a gente pode querer da vida?”, fala ele.

SABINO AO FLAGLAR LIVALDO ABRAÇANDO CARMEN: “PENSEI QUE LILICO... QUE LIVALDO FOSSE FANCHONO, MAS AGORA JÃO NÃO SEI...”

Carmen "desarma" logo após o comentário. "Nisso, e só nisso, você tem razão”, fala ela. “Vamos esquecer o passado, as mágoas, pelo Samuca”, pede ele. Nesse momento, ele se aproxima, na boa, e abraça Carmen. E quem está entrando na sala na mesma hora é Dom Sabino. “Carmen!”, choca-se ele.

“Sabino”, leva um susto Carmen, logo se afastando de Livaldo. “Eu gostaria de saber o que se passa aqui... Pensei que Lilico... (ele se corrige) Que Livaldo fosse fanchono, mas agora já não sei...”, fala Sabino com cara de poucos amigos. “Achou que eu fosse o quê?”, pergunta o pai de Samuca.

Carmen explica. “Gay... Ele achou que você fosse gay, por ter fugido vestido de mulher”, diz. Livaldo ri. “Dom Sabino, acho que eu ia fazer mais sucesso sendo gay do que hétero. Mas, infelizmente, meu negócio é mulher”, conta ele. “Deveras?”, reage Sabino. ““Deveras”. Eu tenho que ir agora. Cuida bem da Carmencita, tá?” , pede o malandro.

Livaldo sai e dá um tapinha nas costas de Dom Sabino. “A senhora está proibida de olhar nos olhos desse gavião novamente!”, avisa Sabino. “O senhor é que está proibido de me proibir de fazer qualquer coisa!”, rebate Carmen. “Carmen, eu não estou para anedotas!”, diz ele. “Ótimo, porque eu não achei a menor graça!”, fala ela. E os dois naquele “gato e rato” de sempre que adoramos...



Veja Também