O Tempo Não Para: Elmo dá ultimato à Miss Celine 

Agora homem responsável, ele diz que só rola “folguedo” se...


  • 09 de dezembro de 2018
Foto: Reprodução Globo


Desde que virou dono da padaria, Elmo (Felipe Simas) parece que deixou mesmo o “moleque” de lado.

E com a mudança, ele acaba colocando na parede o seu “affaire”, Miss Celine (Maria Eduarda de Carvalho).

O Tempo Não Para: Samuca lembra encontro no bloco de gelo

O Tempo Não Para: Carmen e Sabino terminam “DR” na cama

MISS CELINE PARA ELMO, AO SOM DE PANCADÃO: “NÃO SEJA IMPERTINENTE.... BALANCE ESSE ESQUELETO”

Miss Celine chega com Elmo no Largo da Matriz onde está rolando muito funk. “A música está inspiradora”, diz a professora. “Não sabia que cê curtia pancadão...”, fala Elmo.

“Eu “curto” você...”, fala Celine, toda fogosa. Miss Celine surge dançando, meio sem jeito, e logo puxa Elmo para si. Mas ele reluta e se afasta. “Pega leve, Miss Celine... Agora eu sou um empresário... um homem sério...”, afirma ele.

“Não seja impertinente... Balance esse esqueleto...”, pede. Ela requebra animadona, Elmo não resiste e dança com ela. Os dois logo se agarram com paixão.

ELMO PARA MISS CELINE: “AGORA SÓ ROLA “FOLGUEDO” QUANDO CÊ ACEITAR UM COMPROMISSO SÉRIO COMIGO”

No dia seguinte, já na padaria, Elmo conversa com Celine, e logo vê o amigo Samuca (Nicolas Prattes) com o pai, Livaldo (Nelson Freitas). “Ó lá... O Samuca e o pai dele...”, diz. “Pai e filho andando juntos de bicicleta”, fala Celine. “Sei não... Tenho medo que o meu amigo se machuque”, diz Elmo.

“Creio que a sua preocupação é excessiva. Samuca parece saber o que faz em cima daquela bicicleta”, fala ela. “O Livaldo, depois de tanto tempo... Eu acho que ele está atrás de alguma coisa”, fala Elmo, desconfiado. “Acho linda a sua preocupação com o Samuel”, diz ela. “A gente é bróder, mano”, afirma ele.

Nisso, Miss Celine o abraça e belisca o agora empresário. “O senhor poderia levar-me para conhecer os fundos da padaria”, pede ela. Elmo logo se afasta. “Nada disso, Miss Celine. Se liga, o que rolou ontem no pancadão foi uma recaída. Agora só rola “folguedo” quando cê aceitar um compromisso sério comigo”, avisa ele.

A professora sai dali bufando. “É o que veremos!”, diz ela.



Veja Também