Bom Sucesso: Paloma é demitida após “surto” e vai a boteco

Embriagada, costureira liga para Ramon


  • 30 de julho de 2019
Foto: Globo/João Cotta


 

No primeiro capítulo de Bom Sucesso já deu pra perceber que a nossa mocinha Paloma (Grazi Massafera) não é de levar desaforo pra casa.

E após saber do médico que está com leucemia e só tem 6 meses de vida, ela “surta” ao ouvir desaforo de Nana (Fabíula Nascimento) e faz barraco na Chic Store.

Essa sequência vai ao ar no capítulo desta terça-feira, dia 30.

PALOMA “SURTA” E RASGA VESTIDO DE NANA: “HOJE EU NÃO LEVO DESAFORO PRA CASA!”

A executiva da editora Prado Monteiro Nana (Fabíula Nascimento) experimenta roupas na Chic Store. Logo após saber do resultado trágico de seu exame, Paloma ainda chega na loja e é advertida pelo atraso por Eugênia (Helena Fernandes). Sem nem querer ouvir o motivo do problema da funcionária, a ricaça a ordena a atender Nana.

Mas com todos os acontecimentos, Paloma está nervosa. “Escuta aqui, você tá com problemas? Eu também. Só que você vai arrumar mais um se não começar a marcar essa bainha agora!”, avisa Nana. Paloma não engole o desaforo. “Como é que é, sua perua?”, diz. “Me chamou de quê?”, choca-se Nana. “PE-RU-A! Escutou agora? Tô cansada de ouvir grosseria de riquinha nojenta e entojada”, fala a costureira.

 

Nana diz que é um absurdo ser tratada dessa maneira. “Não viu nada! Hoje eu não levo desaforo pra casa! Quer que ajeite a bainha? Deixa comigo!”, fala Paloma, que rasga parte do vestido da executiva, deixando-a só em trajes íntimos. “Sua louca! Socorro! Socorro!”, grita Nana.

PALOMA FALA COM RAMOM APÓS ALGUMAS DOSES DE CACHAÇA: “EU TÔ LIGANDO... PORQUE EU VOU MORRER”

Após “surtar”, Paloma é demitida e retirada por seguranças, sem nem mesmo poder contar o que está acontecendo. Furiosa, ela deixa a loja arrancando o avental. Já do lado de fora, ainda ouve uma piadinha de um camelô. “Vem cá, gostosa! Tira a roupa lá em casa, tesouro!”, diz ele. “Tesouro é a mãe! Aliás, coitada da sua mãe que pôs no mundo um bundão que nem você”, rebate a jovem.

O homem a chama de “vadia”. Fora de si, Paloma dá um bico no tabuleiro do rapaz e vê  voar todas as mercadorias dele. Sem perspectiva, ela entra em um pé-sujo e começa a beber cachaça. Com o copo vazio, chama o atendente, um senhorzinho. “A senhora tem certeza? A essa hora, bebendo desse jeito”, preocupa-se ele. E ela começa a se lamentar. “O pior disso tudo é morrer assim. Sem ter vivido a vida que eu sempre sonhei”, fala.

 

O senhor não entende, e Paloma começa a lembrar de quando era jovem e de toda a sua história com Ramon (Davi Junior). Nisso, ela olha no telefone a foto do rapaz. Nessa mesma hora, nos Estados Unidos, ele recebe uma ótima proposta para ser olheiro de basquete. Mas aí vê uma ligação de Paloma, desesperada e bêbada. Ele atende. “Eu tô te ligando porque... eu vou morrer!”, diz ela. Ramon fica perplexo.

Veja o que Grazi Massafera faria se tivesse só seis meses de vida

Bom Sucesso: A relação inspiradora entre Paloma e Alberto

 



Veja Também