Bom Sucesso: Nana ajuda Alberto a fugir do hospital para realizar seu último desejo

Executiva esquece lado durona para ver a alegria no rosto do pai


  • 15 de janeiro de 2020
Foto: Montagem


O público de Bom Sucesso vai se emocionar muito nessa reta final da trama. Principalmente com o desfecho de Alberto (Antonio Fagundes). Os autores Rosane Svartman e Paulo Halm seguram como podem as cenas finais do comandante.

Mas o ArteBlitz teve acesso a uma sequência muito bonita em que Nana (Fabíula Nascimento) deixa a razão de lado para ver o pai feliz e o ajuda a fugir do hospital para ele ir ao sambódromo ver Paloma (Grazi Massafera) desfilar.

Essas cenas devem ser exibidas a partir da terça-feira, dia 21 de janeiro.

ALBERTO ARRANCA OS TUBOS, FOGE DO QUARTO, MAS É FLAGRADO POR NANA E VERA

Alberto está com a saúde muito debilitada, tanto que ele precisou ser internado por conta de forte tosse, falta de ar e sangramentos constantes no nariz. Vera (Angela Vieira) lhe faz companhia no hospital. Mas logo o empresário a surpreende com o pedido para que ela lhe ajude a fugir para que ele possa ver o Carnaval. “Vera, você vai negar o último pedido de um moribundo?”, pergunta ele. “Nem adianta fazer chantagem, que eu não vou deixar você sair daqui sem os médicos darem alta”, avisa ela.

Nisso, entra Nana (Fabíula Nascimento). “Pronto. Agora são duas carcereiras”, afirma ele. “Pai, não faz drama. Aliás, o senhor nunca gostou de carnaval”, lembra a executiva. “Mas agora eu gosto, e esse seria o meu últi... (ele faz um “teatro” colocando as mãos na cabeça e grita) Ai, ai, ai, ai”, fala. “O que foi?”, assusta-se Nana. “A minha cabeça. Uma dor lancinante. Acho que vou desmaiar”, diz.

Alberto geme, deixando Vera e Nana nervosas. “Eu vou chamar a enfermeira”, avisa Nana. “E eu vou ligar pro Mauri. Droga, tá descarregado. Vera, espera”, diz Nana, que sai atrás da amiga. E ao se ver só, Alberto arranca os tubos e se manda rapidinho do quarto. Com dificuldade, o empresário vai até onde está Batista (Marcelo Flores), que o espera com a cadeira de rodas. Alberto senta e os dois saem pelo corredor apressados até que, dão de cara com Vera e Nana.

NANA APÓS SÚPLICA DO PAI PARA DESFILAR NO CARNAVAL: “LOUCURA SERIA SE A GENTE TENTASSE IMPEDIR QUE ELE REALIZE SEU ÚLTIMO DESEJO”

A executiva dá uma bronca no pai. “Pai, francamente! Que molecagem!”, diz. “Por favor, é o meu último carnaval. Me deixem ir”, suplica ele. “Fingir uma crise pra enganar a gente, como se fosse uma criança!”, fala Vera. “O que o senhor fez foi inacreditável!”, emenda Nana. “Eu tinha que apelar pra algum artifício, já que, na conversa, não consegui convencer nenhuma de vocês”, explica ele. “E você, hein, Batista? Que papelão!”, afirma Nana. “O Batista só fez o que eu mandei”, diz o empresário, que tosse.

Batista mostra as camisetas da Escola. “Eu só queria que o Seu Alberto aproveitasse um último carnaval, desfilando na avenida”, diz o motorista. “Eu nunca tive essa oportunidade e nunca mais terei. Se eu morrer no sambódromo do meu amigo Oscar Niemeyer, será realizando um sonho, uma fantasia”, constata ele. “Mas é perigoso, Alberto!”, lembra Vera. “Vocês preferem o quê? Que eu morra numa cama de hospital? Que final de vida mais triste! Eu tenho direito de decidir sobre a minha vida, mais que isso, de viver!”, fala.

Vera afirma que acha uma loucura. Mas Nana a surpreende. “Loucura seria se a gente tentasse impedir que ele realize seu último desejo”, diz. “Você, por acaso, está concordando com isso? (Nana confirma) É... talvez você tenha razão”, constata Vera. Nana, então, dá um beijo no pai. “Vai, pai, vai viver. Batista, cuida bem dele. Mas olha só, eu não quero que esse seja o nosso último encontro. Vou esperar o senhor em casa, junto com a sua neta, que tanto te ama”, afirma Nana.

Vera também se despede. “Eu também vou te esperar, meu amor”, fala. “E eu prometo que vou voltar”, garante o empresário. Alberto vai com Batista, deixando Nana e Vera emocionadas.

Bom Sucesso: Paloma faz Marcos andar de trem pela primeira vez e vira farra

Bom Sucesso: Gabriela lembra época de bandeirante e dá aula a Vicente em camping



Veja Também