Bom Sucesso: Alberto dá bronca em Marcos e o intima a fazer Paloma feliz

Ele diz ao filho que a costureira o vê como um pai e nunca se apaixonaria por ele


  • 28 de novembro de 2019
Foto: Globo/João Cotta


Arrasado após descobrir a paixão de Alberto (Antonio Fagundes) por Paloma (Grazi Massafera), Marcos (Romulo Estrela Alberto) se afasta da amada, por conta do pouco tempo de vida do pai.

Mas mais uma vez, ele se surpreenderá com a atitude nobre e sabedoria de Alberto. O empresário o chamará para uma conversa séria após ver Paloma triste.

Essa sequência está prevista para ser exibida no dia 3 de dezembro.

ALBERTO A MARCOS: “QUE PALHAÇADA É ESSA DE FAZER A PALOMA SOFRER POR MINHA CAUSA?”

Marcos entra na biblioteca. Alberto está lendo a Antologia do Maiakovski. “Oi, pai, recebi o seu recado. Maiakovski?”, repara ele, sobre o livro. “Desde ontem que estou relendo os poemas desse poeta trágico e romântico. Um homem apaixonado que leva o seu amor até as últimas consequências... “Nos demais/ eu sei, qualquer um o sabe, / O coração tem domicílio no peito”, lê ele. E Marcos completa. “Comigo a anatomia ficou louca./ Sou todo coração/ Em todas as partes palpita”.

Alberto encara o filho. “Exato. Então, que palhaçada é essa de fazer a Paloma sofrer por minha causa?”, pergunta, de cara. Marcos se assusta, enrolado. “Eu... É... Como assim, pai?... O senhor já tá sabendo?”, questiona ele. “Lógico, seu pilantra! Eu percebi esse movimento cretino da sua parte, influenciado pela doidivanas Vera e a pobrezinha da Sofia”, fala. “O senhor disse cretino?”, surpreende-se Marcos.

ALBERTO DÁ BRONCA EM MARCOS: “VAI ACABAR COM ESSA BOBAGEM AGORA MESMO. SE VOCÊ QUER ME VER FELIZ ATÉ A HORA DA MORTE, FALA A PALOMA FELIZ”

Alberto continua encarando o filho. “É claro! Seja um pouco realista, Marcos! Você achou mesmo que seria possível que, algum dia, a Paloma se apaixonasse por mim?”, diz. “Eu não sei. Eu só queria que o senhor ficasse bem, feliz”, conta o rapaz. “Você e a sua irmã sofrem do mesmo mal. Achar que sabem o que é melhor para mim! Quem sabe de mim sou eu! A minha felicidade só existe se a Paloma estiver feliz. E ela sem o seu amor, seu imbecil, é uma pessoa triste, e isso me destrói. É isso que você quer?”, pergunta.

Marcos fica sem entender logo onde o pai quer chegar. “Pelo contrário. Eu só achei que...”, tenta falar. “Achou errado. O seu esforço é inútil. A Paloma me vê como um pai, um amigo, um conselheiro, jamais como um amante. E eu nunca tive ilusões quanto a isso. O que você fez só serviu pra deixar a coitadinha arrasada, como poucas vezes eu vi. Mas você vai acabar com essa bobagem agora mesmo. Se você quer me ver feliz até a hora da morte, faça a Paloma feliz”, ordena ele.

O rapaz abre aquele seu sorriso encantador. “Essa é a melhor bronca que eu já levei na minha vida. Obrigado, meu pai”, fala ele, aliviado.

Bom Sucesso: Mario consola Nana e promete ser o melhor pai do mundo

Bom Sucesso: Paloma chora e diz a Alberto que não passa de mais uma conquista de Marcos



Veja Também