Império: Bruna se rebela contra Danielle e ameaça contar à polícia armações com Maurílio: “Vai presa se me bater”

A menina fala que a mãe mudou totalmente com ela desde que se juntou ao bandido


09 de outubro de 2021

Foto: Reprodução Globo/Montagem

Nos próximos capítulos de Império, Bruna (Kíria Malheiros) se rebelará contra Danielle (Maria Ribeiro). Tudo acontece depois que a pilantra descobrir que a filha procurou José Pedro (Caio Blat), escondido, para reclamar da relação dela com Maurílio (Carmo Dalla Vecchia).

Mal sabe Danielle que a garota ajudou José Alfredo (Alexandre Nero) contra o rival, descobrindo a câmera que ele escondeu na sala do comendador.

BRUNA PROVOCA A IRA DE DANIELLE: “ZÉ PEDRO TEM RAZÃO, ELE TE CHAMOU DE GALINHA E É ISSO QUE VOCÊ É”

Depois da conversa com o ex, Danielle chega furiosa no quarto, cobrando a filha por ter mentido. “Só fiz com você, o que você faz comigo sempre”, diz Bruna. “Tá me chamando de mentirosa, é isso?”. A menina confirma e fala que desde que a mãe se juntou com Maurílio virou outra pessoa. “Vive estressada, gritando comigo e não tá nem aí pra mim. Você não é mais a mãe que eu gostava antes”.

Foto: Reprodução Globo

Danielle diz que ela também não é mais a filha que ela gostava. “Você virou uma garota respondona, chata e mal-educada”. Nesse momento, a menina provoca a ira da mãe. “Zé Pedro tem razão, ele te chamou de galinha. E é isso que você é, uma galinha”, grita. A pilantra pergunta se a menina tem coragem de repetir o que disse. “Vou pegar a sua boca, lavar com sabão e encher de pimenta para você ver o que é bom”.

A menina a chama novamente de “galinha”. Danielle a agarra, pelos braços, e a sacode. “Repete, você vai...”, diz ela, ao levantar a mão para bater na filha. Bruna reage. “É a segunda vez que você levanta a mão para mim esses dias. Então me bate...”, diz ela, que segura o choro. Nessa hora, a garota ameaça a mãe. “Você vai presa se me bater, porque eu sou menor. Eu aproveito e conto para a polícia tudo o que você está fazendo de ruim com o Maurílio".

Foto: Reprodução Globo

Danielle respira fundo e diz que a menina está de castigo. “Vai para o seu quarto, fica lá caladinha, pensando nas coisas terríveis que você tem dito ultimamente para a sua mãe”. Bruna diz que viver naquele hotel já é um castigo. “Cala a boca. Eu não quero ouvir mais nem um pio... Sai da minha frente”. Em seguida, em conversa com Maurílio, Danielle diz que ele está certo. “Acho que a melhor coisa que poderia fazer agora é mesmo colocar a Bruna num colégio interno”.