Tatá Werneck se emociona ao falar do Prêmio Multishow: “Última vez que vi Paulo Gustavo pessoalmente”

Junto de Iza, ela estará à frente da cerimônia desse ano, que terá a participação ilustre de Xuxa


03 de dezembro de 2021

Foto: Divulgação

Praticamente a “cara” do Multishow, pelo sucesso de programas como o Lady Night, Tatá Werneck estará à frente do Prêmio Multishow 2021, junto com Iza, no dia 8 de dezembro. Para a apresentadora e comediante, o evento, considerado o “Oscar” da música brasileira, esse ano terá muitos significados. “Foi no Prêmio Multishow a última vez em que eu vi o Paulo Gustavo pessoalmente”, lembrou ela, referindo-se à edição de 2020, em que dividiu o palco com o amigo e também com Iza.

Tatá participou junto de Iza e também de Xuxa Meneghel, que fará participação especial no evento, no pré e pós-show e também na entrega de troféus, de uma coletiva online nesta quinta, 2. “O Prêmio Multishow é sempre um momento de celebração, sabe aquele dia feliz que você espera durante muito tempo pra acontecer? Especialmente pra mim esse ano o prêmio me lembra muitas coisas. É um lugar especial pra mim, um espaço de muito amor, significado, de muitas memórias”, disse ela, que não segurou as lágrimas.

Tatá contou que o bom do ao vivo é que ela não pode ficar pensando em mais nada. “Vou estar lá para fazer o melhor que posso, para que todos tenham uma noite incrível. Espero que seja um dia maravilhoso, porque a gente tem tido dias tão difíceis, Choro mal, tô na TPM”, diz ela. A edição fará homenagens a Paulo Gustavo, que foi apresentador do evento em cinco edições e faleceu em maio último por complicações da Covid-19, à Marília Mendonça, que perdeu a vida em acidente aéreo no início de novembro, e à Cássia Eller, por esse ano completar duas décadas de sua morte. 

A transmissão do pré-show começa nos canais Humor Multishow, às 20h15, e segue no Música Multishow e no Multishow, às 21h15, e a cerimônia está marcada para às 22h30, no Multishow.  

VEJA AS CATEGORIAS E INDICADOS

Cantora do Ano: Em respeito ao legado da rainha do sertanejo, o título de Cantora do Ano vai para Marília Mendonça. Além de Marília, Anitta, Ivete Sangalo, IZA e Luisa Sonza concorriam ao prêmio.

Cantor do Ano: Dilsinho, Emicida, Ferrugem, Gusttavo Lima e Luan Santana.

Música do Ano: “Batom de Cereja” (Israel & Rodolffo), “Girl From Rio” (Anitta), “Morena” (Luan Santana), “Calma” (Marisa Monte) e “Gueto” (IZA).

Experimente: João Gomes, L7nnon, Marina Sena, Matheus Fernandes e Zé Vaqueiro.

Hit do Ano: “Batom de Cereja” (Israel & Rodolffo), “Baby Me Atende” (Matheus Fernandes e Dilsinho), “Deixa de Onda” (Dennis, Ludmilla e Xamã”, “Meu Pedaço de Pecado” (João Gomes) e “Tipo Gin” (Kevin, O Chris).

Grupo do Ano: Gilsons, Grupo Menos É Mais, Lagum, Os Barões da Pisadinha e Sorriso Maroto.

Dupla do Ano: Anavitória, Henrique & Juliano, Israel & Rodolffo, Jorge e Mateus, Zé Neto e Cristiano.

Performance do Ano: Anitta, Gusttavo Lima, Ivete Sangalo, Luísa Sonza e Pabllo Vittar.

Clipe TVZ do Ano: Atenção (Pedro Sampaio feat. Luísa Sonza), Girl From Rio (Anitta), Modo Turbo (Luísa Sonza, Pabllo Vittar, Anitta), Morena (Luan Santana), Rainha da Favela (Ludmilla).

Categorias Superjúri

Revelação do ano: Jadsa, João Gomes e Marina Sena.

Canção do ano: “Crash” (Juçara Marçal), “Me Toca” (Marina Sena) e “Sonho da Lay” (Tuyo part. Luccas Carlos).

Álbum do ano: “De primeira” (Marina Sena), “Delta Estácio Blues” (Juçara Marçal) e “Olho de Vidro” (Jadsa)

Clipe do ano

Produção do ano

Capa do ano

Gravação do ano